segunda-feira, novembro 17, 2008

Eu sou...

Eu sou...
Uma chuva de paixão.
Um temporal de amor.
Um trovão de ódio.
Uma enchente de carinhos.

Eu sou...
Um raio de ciúmes.
Um relâmpago de tristeza.
Um barco de felicidade.

Eu sou...
Um sol de alegria.
Um calor de harmonia.
Uma seca de indiferença.

Eu sou...
Uma tempestade de escuridão.
Um vento frio de esperança.
Uma ventania de raiva.

Eu sou...
Mil estrelas de esperança.
Sou a Lua de lembranças.
Sou o entardecer do perdão.

Eu sou...
Flores da Primavera.
Sou o Sol do Verão.
Sou o frio do Inverno.
As folhas secas do Outono.


Eu sou... Assim...
Mudo... Como as estações...


Luísa

1 comentário:

Teresinha disse...

Linda
ainda bem que assim és continua a ser esse turbilhão de sensações pois só assim serás a luisa que eu passei a conhecer virtualmente
Um xi muito apertado
Teresa