quinta-feira, novembro 27, 2008

Quando os filhos choram..

Quando os filhos choram o coração das mães aperta-se de emoção e muitas vezes de impotência para evitar essas légrimas, restando-lhes apenas o enxugá-las com o seu amor e carinho.
Assim foi o meu ínicio de dia...
A Ju está a atravessar uma crise de grande stress e pressão, provocada por uma perseguição pessoal duma sub-chefia (uma mulher mal amada...) no seu local de trabalho.
A criatura, não tem qualquer padrão de princípios morais e éticos, é uma mulher só, amarga, de mal com a vida e os que a rodeiam. Já algumas demissões surgiram devido á sua conduta, e os que ficaram, subjugaram-se às suas vontades e caprichos, quer sejam ou não do foro profissional.
Com a Ju a coisa fia mais fino.
A educação dela, os princípios porque se rege fazem com que assuma uma atitude de frontalidade face a tudo o que lhe é questionado e dito.
Sempre duma forma educada, mas sem tremuras na voz e atitude, faz e diz o que deve ser feito e dito, em bom nome da verdade.
Isto incomoda!
Isto é muito mau quando se é cobarde e se usam os "galões" duma mera sub-chefia.
Mas a Ju não vacila e continua firme na sua postura, mas a revolta, a raiva, e o sentido de injustiça, impera há muito dentro de si.
Ontem foi o dia da gota de água, e por mais que se consiga controlar, as lágrimas rolaram pelo rosto, sem ter como as parar...
Lágrimas que hoje de manhã caíam perante a ideia de ir trabalhar.
A minha menina-mulher, linda e senhora de si nos seus 24 anos, parecia a Juzita a que dei colo, chorosa e inconsolável.
Conversei, ajudei, limpei as lágrimas e cá dentro senti uma ira enorme.
Ira por não a poder proteger como fiz anos a fio, ira de não poder pedir justiça perante o que sucede...
Ira por não poder resolver todo este processo.
Quando os filhos choram as mães ficam sem forças para sorrir...

5 comentários:

ONDINHAS disse...

é verdade Lu, há pessoas que parece sentirem felicidade em prejudicar os outros...mas a tua Ju, vai dar a volta e as lágrimas vão transformar-se em sorrisos!

um beijo para ti e outro para a Ju

Anónimo disse...

Olá Luisa, vais ver k a tempestade irá passar e depois virá a bonanza.Beijokas p/ ti e outro p/ a Ju ( com muitas força).Carla

Vieira Calado disse...

Compreendo-a.

Força, sempre!

Bjs

sonhos disse...

Luisa amiga

Que td se resolva e que tua menina, mulher,mesmo chorando mantenha sempre a mesma postura.
Quanto a ti como mãe sei como te sentes, deixo-vos um abração bem forte.

Beijinhos

Pipinha disse...

Ohhh Querida, que coisa chataaaaa...
Sei o que é isso, infelizmente também já lidei com uma colega assim...É horrível demais!
Coração de Mãe aperta-se de emoção sempre que acontece algo bom ou menos bom com os nossos filhos, mas nessas situações doi não conseguirmos fazer nada para ajudar :(
Força minha querida, para ti e para a tua filhota e espero que essa sub-chefe caia do poder depressa e justiça seja feita e consigas ver a tua filha a respirar de alívio.
Geralmente essas pessoas não se aguentam muito tempo em cima, porque mais dia menos dia são castigadas!
Abraço apertadinho e longo com muito carinho e força!!
Beijinhos grandes.