domingo, setembro 07, 2008

Sobre o orgasmo feminino

O orgasmo feminino é uma coisa da qual as mulheres percebem muito pouco, e os homens ainda menos.
Pelo facto de ser uma reacção endócrina, que se dá sem expelir nada, não se apresenta nenhuma prova evidente de que aconteceu, ou de que foi simulado.
Diante deste mistério, investigações continuam, pesquisas são feitas,centenas de livros são escritos, tudo para tentar esclarecer este assunto.

A acompanhar este tema, deu no outro dia uma entrevista na TV com uma conhecida sexóloga, que apresentou uma pesquisa feita nos Estados Unidos na qual se mediu a descarga eléctrica emitida pela "psarinha" no instante do orgasmo.
Os resultados mostram que, na hora H, a "pardaloca" dispara uma carga de250.000 micro volts.
Ou seja, 5 "psarinhas"juntas, ligadas em série na hora do '"ai meu Deus, o0h sim simmm"" são suficientes para acender uma lâmpada.
E uma dúzia é capaz de provocar a ignição no motor de um Carocha com a bateria em baixo.
Já há até mulheres a treinar para carregar a bateria do telemóvel:
dizem que é só ter o orgasmoe, tchanann...carregar.
Portanto, é preciso ter muito cuidado porque aquilo, afinal, não é uma" rata": é uma torradeira eléctrica!!!
E se der curto-circuito na hora de "revirar os olhos"? (perguntam eles já assustados)
Além de vesgo, fica com a doença de Parkinson e com a "salsicha" assada.
Preservativo agora é pouco: tem de se mandar encamisar na Michelin.
E, no momento da descarga, é recomendado usar sapatos de borracha, não os descalçar e não pisar o chão molhado.
É também aconselhável que, antes de se começar a molhar o "biscoito", se pergunte à parceira se ela é de 110 ou de 220 volts, não se vá esturricar a "alheira"...
E posto isto meus amigos e amigas, vale sempre a pena um bom orgasmo!:)

13 comentários:

Pjsoueu disse...

ahhh , agora estou a entender a coisa...lol...por isso é que numa destas noites....de repente me pareceu meio dia.Subitamente após certos movimentos de cabo tudo clareou num multidão de luzinhas.....lol


tudo isso veio da tal descarga? a mim pareceu que era electricidade trifásica.....lol

ai esta comadre alfacinha nao pode ter férias tao depressa...ela veio de todo...rssrrrrrrrrrrrrrrrrr

Um beijo carregadinho de eletricidade ( não é estátctica..lol) do seu muito amigo , Pj

D.Antónia Ferreirinha disse...

Ahahahah.
Cóhorror. Qué isso de rata, pardaleca psarinha?
Ahahah.
ó mulher isso não tem um nome?
Ahahah.
Beijinhos.

O QUATORZE disse...

Boa Noite
E julgava eu que sabia alguma coisa sobre o dito, mas estou sempr a aprender,mas no fundo é bom para todos no momento.
Amizade
Luis

Gonçalo de Assis disse...

Li o post com muita atenção e embora tratando-se de algo muito sério como é o orgasmo da mulher, saio à gargalhada com as tuas apreciações.
De facto começo a pensar que talvez seja melhor ter cuidado com tão explosivo orgasmo.
Adorei o teu post.
Voltarei para ler mais e com mais tempo.
Deixo-te o endereço dos meus dois blogs que te convido a conhecer.
Um beijo com amizade

Gonçalo de Assis disse...

O endereço do meu outro blog.
Boa semana

Luísa disse...

Compadre PJ, tou vendo que aí pelo Lintejo o que nã falta é electricidade! lol Manganão!!!!

Bêjos electricos!

Luisa

Luísa disse...

Antoninha!


Eu sei que lhe pus uns nomes diferentes, mas divagar sobre a vagina é algo comum!

:))))


Beijinhos

Luísa disse...

Benvindo chez Moi Gonçalo, vou retribuir a visita boa semana
Beijinhos

Luisa

ONDINHAS disse...

Bem...fiquei elucidada...com sorte ainda ponho a maquina da roupa a funcionar sem ter de recorrer à edp..lol

beijo..

Luísa disse...

Olá Luis,

Como o povo diz: Vievendo e aprendendo:)))


Luisa

Luísa disse...

Ondinhas,

Eu penso que ando a poupar cada vez mais na conta da EDP:)))))


Beijocas


luisa

Teresinha disse...

Bom dia querida
Vejo que as férias te fizeram bem
chorei até ás lágrimas
eu não posso, por nem o télélé nem a máquina a funcionar tenho que me socorrer da edp lololo
Beijinhos para ti e continua a ser a luisinha que eu conheço
teresa

Madá disse...

kakakakakakakakakakakakakakakakaka, torradeira elétricaaaaaaa, ma-ra-vi-lho-so! Parabéns Luísa, és insuperável!