quarta-feira, junho 04, 2008

@Casinha

Bom dia!!

Hoje acordei cedo, antes das 6h da manhã,
porquê?

Simples, é o 1º dia de folga do marido,
e nos dias das folgas (que são rotativas),
vamos ficar á Casinha.

Vou aqui explicar algo, que muitos
não sabem, e assim fica mais fácil
entenderem porque me levantei
tão cedo, para ir á Casinha, e depois
rumar a Lisboa para o emprego.

O meu marido tem glaucoma,
desde os 16 anos de idade, mesmo depois
de duas operações, e com o passar dos anos,
a recuperação ou cura, tornou-se impossível.
Agora é manter o seu campo visual...
A sua visão com o tempo foi-se deteriorando,
e desde há 7 meses que já não conduz.
Vendeu o carro e sabe pode contar comigo
sempre, para o que precise.
Eu para além da sua mulher,
sou a sua melhor amiga.

Faz a sua vida normal,
apenas com algumas limitações...

A Casinha, é pequenina, tem um ano de vida,
foi concebida por ambos e embora perto
da nossa residência, fica no meio do campo,
na região de Palmela, viradinha para a Serra.

É um local mágico, sabem porquê?
Porque foi feita apenas para os dois, daí ser a Casinha.
Porque ali somos só os dois,
Porque ali o espaço não é dividido...
para trás fica a sogra que vive comigo,
há mais de 20 anos...

Penso que as meninas me entendem:)

Não é pera doce, acreditem.

Ali é que nos reencontrámos,
ali somos um casal, e ali somos mais felizes.

Ali ele pode semear as coisas que gosta,
cuidar do jardim e tem 2 dias
que ninguem repara que tem dificuldades...

E assim sendo, eu vou lá deixar o marido
e depois rumo a Lisboa.

E o regresso é muito bom, podemos jantar cá fora
quando há bom tempo, juntos vemos cada
planta que nasceu, as que já frutificam...
enfim é um mundinho á parte,
mas que prezamos muito.

Não sou uma mulher rica,
não sou uma mulher de luxos,
sou uma mulher com uma vida
que nem sempre tem sido fácil,
mas que acredita, que há situações
piores, casos mais complicados,
e a tal Fé que me acompanha,
faz-me sorrir apenas porque:

Hoje, e amanhã estarei
@ Casinha!

4 comentários:

Coragem disse...

Luisa se o seu post fosse lido por um brasileiro sem ler outro diria, claro que a senhora vai à casinha pela manhã que de especial tem isso?

Ahahahahah
Casinha note-se, wc.

Mas como não sou brasileira e tenho acompanhado o blog, digo, que maravilha...
Que bom partilhar estes momentos unicos e tão vossos.Num espaço especial criado por vocês e para vocês.

Lamento pelo marido, mas como diz, não se desespera, poderia ser um caso bem mais grave.

Um dia também vou ter a minha casinha, aliás é um sonho, que já esteve mais longe, isto porque também divido o meu espaço, com 2, Pai e Mãe, e flores que se cheirem também não o são.

Beijinho

Pjsoueu disse...

Luisa:
a Comadre coragem começou com a necessidade da "casinha" pela manhã-...rsrs...

mas na verdade doulhe os parabéns pela Casinha do vosso retiro.

fazem muito bem em terem esse lugar e esses momentos só para vcs...

beijos do amigo Pj

Luisa disse...

Oh Compadre!

De manhã é q se começa o dia e por isso "ir ná casinha" é preciso:) como diriam os amigos brazucas:(Se me lêem desculpem sim ??)

E é bom termos um refugio nem q seja ao fim de 29 anos de vida em comum.
desejo-te um bom dia e com sorrisos!
Luisa

Luisa disse...

Coragem,

Não há nada como um casal viver sózinho, eu sei como foi bom e como dp da morte do meu sogro, ficou péssimo
A Casinha trouxe-me a esperança de poder nem que seja por escassos dias voltar a viver a dois.

E Deus te ajude a concretizares tb esse sonho, n desistas nunca!

beijocas
Luisa