segunda-feira, setembro 07, 2009

Ando viciada nela...





Se uma gaivota viesse
trazer-me o céu de Lisboa
no desenho que fizesse,
nesse céu onde o olhar
é uma asa que não voa,
esmorece e cai no mar

Que perfeito coração
no meu peito bateria,
meu amor na tua mão,
nessa mão onde cabia
perfeito o meu coração.

Se um português marinheiro,
dos sete mares andarilho
,fosse quem sabe o primeiro
a contar-me o que inventasse,
se um olhar de novo brilho
no meu olhar se enlaçasse.

Que perfeito coração
no meu peito bateria,
meu amor na tua mão,
nessa mão onde cabia
perfeito o meu coração.

Se ao dizer adeus à vida
as aves todas do céu,
me dessem na despedida
o teu olhar derradeiro,
esse olhar que era só teu,
amor que foste o primeiro.

Que perfeito coração
no meu peito morreria,
meu amor na tua mão,
nessa mão onde perfeito
bateu o meu coração.

Poema de: Alexandre O'Neill


Digam de Vossa justiça...

Luísa

3 comentários:

TERESA NETO disse...

querida tb eu estou viciada nesta canção ela está no blog do meu carlos
não está o poema mas ela está lá
foi.me enviada por alguem que eu estimo muito
beijus no teu lindo coração
teresa

marianinha disse...

Eu tambem espero ficar melhor por isso devagarinho vou conseguindo.

beijinhos

meu cantinho disse...

Sem dúvida,é daquelas músicas que ficam no ouvido...
Quando ouvi pela primeira vez só descansei quando a encontrei no youtube e coloquei nos favoritos é linda demais.Agora já sei quando quiser ouvir virei aqui :))
beijokas